Home » Geral » NOSSA HISTÓRIA: Monumento do Jenipapo fica quase que abandonado na maior parte do tempo


NOSSA HISTÓRIA: Monumento do Jenipapo fica quase que abandonado na maior parte do tempo

O Monumento feito em homenagem aos heróis do Jenipapo, que lutaram em uma das batalhas mais sangrentas feitas pela Independência do Brasil, no dia 13 de março de 1823, fica em estado quase que de abandono na maior parte do tempo, sendo lembrado apenas nas proximidades da data comemorativa da batalha.

Nossa reportagem esteve por lá nessa quarta-feira (06/12) e registrou imagens do local, quase que totalmente coberto pelo mato e precisando de muitos reparos. O responsável pelo monumento é o Senhor Miranda, pai do Vereador Fernando Miranda. Ele disse que o local já passou por três limpezas esse ano, mas que devido as chuvas o mato acaba crescendo mais rapidamente e tomando conta de boa parte da estrutura.

A Batalha do Jenipapo consistiu na luta de piauienses, maranhenses e cearenses contra as tropas do Major João José da Cunha Fidié, que era o comandante das tropas portuguesas, encarregadas de manter o norte da ex-colônia fiel à Coroa Portuguesa. Todo dia 13 de março a sangrenta batalha é lembrada em Campo Maior com homenagens e entrega de medalhas a algumas pessoas.

Antes muito prestigiada pela população, as comemorações dos últimos anos se resumiram apenas a encontros de políticos e autoridades da cidade e do estado do Piauí. Afim de se promover as custas dos heróis nordestinos que deram o sangue pela independência do Brasil.

ASSISTA A REPORTAGEM

MAIS VÍDEOS DA TV LÍDER

Deixe seu comentário