Home » Geral » Barragem do Emparedado apresenta alto risco de rompimento, aponta relatório


Barragem do Emparedado apresenta alto risco de rompimento, aponta relatório

O Brasil voltou os olhos para a cidade de Brumadinho (MG), arrasada pelo “mar de lama” provocado pelo rompimento de barragens em uma mina da empresa Vale. Até agora 58 pessoas estão mortas pela tragédia, o tema segurança das barragens pelo país volta à pauta, e infelizmente o Piauí tem no currículo números preocupantes.

As situações mais graves incluem as barragens do Bezerro em José de Freitas e Emparedado, em Campo Maior, apontadas pelo alto índice na chamada Categoria de Risco conforme relatório da Agência Nacional de Águas, apresentado no final do ano passado.

No Piauí, 31 barragens no estado foram apontadas pelo alto índice na chamada Categoria de Risco. Destas, 13 foram elencadas pelo Dano Potencial Associado alto.

No final de 2018, o senador Elmano Férrer trouxe ao Piauí o debate sobre a Política Nacional de Segurança das Barragens e apresentou o relatório da CDR sobre a condição das barragens pelo país.

Fonte: Romário Valle/180 graus

Deixe seu comentário